Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Geral
Simulado de Mesa para prevenir desastres no mar
Sexta, 2/8/2019 15:10.
Divulgação/PMBC
Simulado de Mesa é mais econômico

Publicidade

Com a participação de 26 instituições e 54 pessoas, a Defesa Civil realizou esta semana um Simulado de Mesa de emergência marítima, em três salas do 13º Batalhão Bombeiro Militar (Sala de Crise, Posto de Comando e Abrigo), com apoio de computadores, data shows, mapas e miniaturas.

O diretor da Defesa Civil, Fabrício Melo explicou que o simulado pode ser de mesa ou de campo. Eles funcionam como um treinamento para prevenir situações de desastre e tentar corrigir, antes que aconteçam de verdade.

“O de campo é real com a viatura, entra na água, salva pessoas e o de mesa é mais econômico, feito através de mapas, o pessoal ensinando como agir, o protocolo, metodologias, identificar a comunicação, as funções de cada um e as formas de atuar”, detalhou.

Cenários

Na Sala de Crise foi montado o maior cenário, um acidente no mar, próximo à Barra Sul, envolvendo duas embarcações e quase 100 pessoas. Várias instituições atuaram nesse atendimento, desde o trânsito, passando pelo resgate, mobilização de um hospital de campanha, transporte de feridos ao hospital e manejo de corpos.

No cenário secundário, 150 pessoas de uma área em encosta estavam sendo retiradas de casa e levadas ao abrigo, houve a mobilização de transporte, equipe que gerencia o abrigo, triagem, montada sala de ambulatório, alimentação e cuidado com animais.

“O exercício durou duas horas e após foi feito um debriefing de 30 minutos. Foi um treinamento para o Simulado de Campo que faremos em outubro com o mesmo cenário”, segue Fabrício.

GRAC

O Simulado foi preparado pelo Grupo de Respostas e Ações Coordenadas (GRAC), uma ferramenta que é muito utilizada e conhecida no Brasil e que em Balneário Camboriú funciona muito bem, segundo o diretor da Defesa Civil.

“Temos no GRAC aqui 39 agentes ou instituições que participam, todo mundo que pode ajudar numa situação de risco, de desastre participa do grupo, como Rotary, Lions, Celesc, Cosip, órgãos estaduais, federais etc. Através desta integração, porque é bem difícil colocar todos na mesma sala, mas aqui funciona desde 2017, e é bem fortalecido o nosso grupo. Todo ano fazemos dois, três simulados grandes, e dentro deste treinamento tem todo um sistema, metodologias, ferramentas, que geralmente nem são usadas, treinamos sistema de comando de operações, aqui montamos um posto de comando por exemplo, estamos bem preparados”, resumiu.

Novidade

A novidade deste Simulado de Mesa foi a emergência marítima. Fabrício disse que é uma das metas dentro das propostas das forças integradas de segurança.

“Está em construção um plano de contingência específico da emergência marítima, em construção um projeto para criação de uma brigada dentro de prefeitura para dar as primeiras respostas, com um kit de equipamentos de emergências ambientais, como vazamento de óleo no mar, por exemplo. Já estamos preparando um simulado real de campo na Barra Sul, onde será montado todo cenário, tudo como prevenção, porque toda cidade tem que estar preparada para isso e Balneário Camboriú está cada ano evoluindo mais nesse tipo de prevenção”, disse Fabrício.

"É preciso parabenizar o GRAC pela realização deste simulado. Nele, conseguimos identificar ruídos a serem eliminados em uma situação real", comenta o coordenador regional da Defesa Civil na região da Amfri, Daniel Buzanella.

Participantes

Participaram do Simulado de Mesa: agentes de trânsito, bombeiros voluntários, Conseg, Corpo de Bombeiros Militar, Defesa Civil Municipal, Divisão de Comunicação/PMBC, Guarda Municipal, Hospital Ruth Cardoso, IFC, IGP, Igreja de Jesus Cristo, Instituto Anjos do Mar, Policia Civil, Policia Militar, Rede Nacional de Emergência de Radioamadores (Rener), Rotary Club, Samu Municipal, Samu Regional, secretaria de Administração, secretaria de Inclusão Social; secretaria de Educação, secretaria de Meio Ambiente, secretaria de Saúde e Univali.

Informações - secretaria de Segurança Pública (47) 3363-2745 


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Destaques

Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Simulado de Mesa para prevenir desastres no mar

Divulgação/PMBC
Simulado de Mesa é mais econômico
Simulado de Mesa é mais econômico

Publicidade

Sexta, 2/8/2019 15:10.

Com a participação de 26 instituições e 54 pessoas, a Defesa Civil realizou esta semana um Simulado de Mesa de emergência marítima, em três salas do 13º Batalhão Bombeiro Militar (Sala de Crise, Posto de Comando e Abrigo), com apoio de computadores, data shows, mapas e miniaturas.

O diretor da Defesa Civil, Fabrício Melo explicou que o simulado pode ser de mesa ou de campo. Eles funcionam como um treinamento para prevenir situações de desastre e tentar corrigir, antes que aconteçam de verdade.

“O de campo é real com a viatura, entra na água, salva pessoas e o de mesa é mais econômico, feito através de mapas, o pessoal ensinando como agir, o protocolo, metodologias, identificar a comunicação, as funções de cada um e as formas de atuar”, detalhou.

Cenários

Na Sala de Crise foi montado o maior cenário, um acidente no mar, próximo à Barra Sul, envolvendo duas embarcações e quase 100 pessoas. Várias instituições atuaram nesse atendimento, desde o trânsito, passando pelo resgate, mobilização de um hospital de campanha, transporte de feridos ao hospital e manejo de corpos.

No cenário secundário, 150 pessoas de uma área em encosta estavam sendo retiradas de casa e levadas ao abrigo, houve a mobilização de transporte, equipe que gerencia o abrigo, triagem, montada sala de ambulatório, alimentação e cuidado com animais.

“O exercício durou duas horas e após foi feito um debriefing de 30 minutos. Foi um treinamento para o Simulado de Campo que faremos em outubro com o mesmo cenário”, segue Fabrício.

GRAC

O Simulado foi preparado pelo Grupo de Respostas e Ações Coordenadas (GRAC), uma ferramenta que é muito utilizada e conhecida no Brasil e que em Balneário Camboriú funciona muito bem, segundo o diretor da Defesa Civil.

“Temos no GRAC aqui 39 agentes ou instituições que participam, todo mundo que pode ajudar numa situação de risco, de desastre participa do grupo, como Rotary, Lions, Celesc, Cosip, órgãos estaduais, federais etc. Através desta integração, porque é bem difícil colocar todos na mesma sala, mas aqui funciona desde 2017, e é bem fortalecido o nosso grupo. Todo ano fazemos dois, três simulados grandes, e dentro deste treinamento tem todo um sistema, metodologias, ferramentas, que geralmente nem são usadas, treinamos sistema de comando de operações, aqui montamos um posto de comando por exemplo, estamos bem preparados”, resumiu.

Novidade

A novidade deste Simulado de Mesa foi a emergência marítima. Fabrício disse que é uma das metas dentro das propostas das forças integradas de segurança.

“Está em construção um plano de contingência específico da emergência marítima, em construção um projeto para criação de uma brigada dentro de prefeitura para dar as primeiras respostas, com um kit de equipamentos de emergências ambientais, como vazamento de óleo no mar, por exemplo. Já estamos preparando um simulado real de campo na Barra Sul, onde será montado todo cenário, tudo como prevenção, porque toda cidade tem que estar preparada para isso e Balneário Camboriú está cada ano evoluindo mais nesse tipo de prevenção”, disse Fabrício.

"É preciso parabenizar o GRAC pela realização deste simulado. Nele, conseguimos identificar ruídos a serem eliminados em uma situação real", comenta o coordenador regional da Defesa Civil na região da Amfri, Daniel Buzanella.

Participantes

Participaram do Simulado de Mesa: agentes de trânsito, bombeiros voluntários, Conseg, Corpo de Bombeiros Militar, Defesa Civil Municipal, Divisão de Comunicação/PMBC, Guarda Municipal, Hospital Ruth Cardoso, IFC, IGP, Igreja de Jesus Cristo, Instituto Anjos do Mar, Policia Civil, Policia Militar, Rede Nacional de Emergência de Radioamadores (Rener), Rotary Club, Samu Municipal, Samu Regional, secretaria de Administração, secretaria de Inclusão Social; secretaria de Educação, secretaria de Meio Ambiente, secretaria de Saúde e Univali.

Informações - secretaria de Segurança Pública (47) 3363-2745 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Destaques