Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esportes
Hamilton supera Verstappen e é o mais rápido em treino encurtado na Hungria
Sábado, 3/8/2019 9:32.
F1.com

Publicidade

O inglês Lewis Hamilton foi o mais rápido no terceiro treino livre para o GP da Hungria da Fórmula 1, neste sábado. Em uma atividade atípica, mais curta em razão do óleo derramado na pista, o piloto da Mercedes marcou o tempo de 1min16s084 na sua melhor volta e chegou na frente no Hungaroring.

O pentacampeão mundial e líder da atual temporada encerrou 0s013 à frente do segundo colocado, o holandês Max Verstappen, da Red Bull. Hamilton fez o melhor tempo no traçado húngaro na reta final da atividade, mais curta do que o habitual em razão da explosão do motor do carro do piloto suíço Ralph Boschung no final da corrida da Fórmula 2 na Hungria.

O incidente, poucos minutos antes da sessão, deixou as curvas 4 e 5 da pistas repletas de óleo. Os fiscais jogaram pó químico para absorver a substância, mas a atividade começou com atraso mesmo assim e teve de ser encurtada de 60 para 50 minutos.

A sessão mais curta fez as equipes perderem tempo de pista, com vistas ao treino classificatório. Além disso, depois que a pista foi liberada, os carros ainda levaram um tempo para limparem o trecho sujo de óleo.

O terceiro colocado foi Sebastian Vettel, da Ferrari, a apenas 0s082 do líder Hamilton. O alemão e seu companheiro de equipe, o monegasco Charles Leclerc, chegaram a liderar no começo, mas, em uma sessão equilibrada, foram superados. O equilíbrio nos trabalhos indica que a definição para o grid de largada será acirrada.

O finlandês Valtteri Bottas colocou o outro carro da Mercedes na quarta colocação, à frente Leclerc, o quinto, e o francês Pierre Gasly, companheiro de Verstappen na Red Bull e que completou o trio das principais escuderias da categoria atualmente.

O inglês Lando Norris, da McLaren, fez o sétimo melhor tempo, seguido pelo finlandês Kimi Raikkonen, da Alfa Romeo, do espanhol Carlos Sainz Jr, parceiro de Norris, e do dinamarquês Kevin Magnussen, da Haas, que fechou o top 10.

Os pilotos voltarão a acelerar no Hungaroring neste sábado na sessão de classificação, que começa às 10 horas (de Brasília). A largada para o GP da Hungria, a 12ª das 21 etapas da temporada 2019 da Fórmula 1, será às 10h10 do domingo.
 


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Destaques

Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Hamilton supera Verstappen e é o mais rápido em treino encurtado na Hungria

F1.com

Publicidade

Sábado, 3/8/2019 9:32.

O inglês Lewis Hamilton foi o mais rápido no terceiro treino livre para o GP da Hungria da Fórmula 1, neste sábado. Em uma atividade atípica, mais curta em razão do óleo derramado na pista, o piloto da Mercedes marcou o tempo de 1min16s084 na sua melhor volta e chegou na frente no Hungaroring.

O pentacampeão mundial e líder da atual temporada encerrou 0s013 à frente do segundo colocado, o holandês Max Verstappen, da Red Bull. Hamilton fez o melhor tempo no traçado húngaro na reta final da atividade, mais curta do que o habitual em razão da explosão do motor do carro do piloto suíço Ralph Boschung no final da corrida da Fórmula 2 na Hungria.

O incidente, poucos minutos antes da sessão, deixou as curvas 4 e 5 da pistas repletas de óleo. Os fiscais jogaram pó químico para absorver a substância, mas a atividade começou com atraso mesmo assim e teve de ser encurtada de 60 para 50 minutos.

A sessão mais curta fez as equipes perderem tempo de pista, com vistas ao treino classificatório. Além disso, depois que a pista foi liberada, os carros ainda levaram um tempo para limparem o trecho sujo de óleo.

O terceiro colocado foi Sebastian Vettel, da Ferrari, a apenas 0s082 do líder Hamilton. O alemão e seu companheiro de equipe, o monegasco Charles Leclerc, chegaram a liderar no começo, mas, em uma sessão equilibrada, foram superados. O equilíbrio nos trabalhos indica que a definição para o grid de largada será acirrada.

O finlandês Valtteri Bottas colocou o outro carro da Mercedes na quarta colocação, à frente Leclerc, o quinto, e o francês Pierre Gasly, companheiro de Verstappen na Red Bull e que completou o trio das principais escuderias da categoria atualmente.

O inglês Lando Norris, da McLaren, fez o sétimo melhor tempo, seguido pelo finlandês Kimi Raikkonen, da Alfa Romeo, do espanhol Carlos Sainz Jr, parceiro de Norris, e do dinamarquês Kevin Magnussen, da Haas, que fechou o top 10.

Os pilotos voltarão a acelerar no Hungaroring neste sábado na sessão de classificação, que começa às 10 horas (de Brasília). A largada para o GP da Hungria, a 12ª das 21 etapas da temporada 2019 da Fórmula 1, será às 10h10 do domingo.
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Destaques