Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Cidade
Abraço à Mulher foi pra rua para lembrar 13 anos da Lei Maria da Penha

Quinta, 8/8/2019 14:49.
Divulgação/PMBC

Publicidade

Para lembrar os 13 anos da criação da Lei Maria da Penha, sancionada em 7 de agosto de 2006, a secretaria da Inclusão Social levou seu programa mais recente de combate à violência contra mulheres, o Abraço à Mulher, para a avenida Brasil, na tarde de ontem (7).

A secretária da pasta, Christina Barichello disse que foi uma ato de conscientização e uma demonstração da luta contra a violência feminina.

“O Abraço que entrou em funcionamento há poucos meses, já fez 54 atendimentos presenciais e 75 por telefone. Funcionamos em regime de plantão 24h. É a nossa mais recente ferramenta de proteção às mulheres vítimas de violência. Nós oferecemos assistência jurídica, acompanhamento psicológico, encaminhamentos à rede de apoio e a grupos focais”, disse.

Os atendimentos são anônimos e as mulheres recebem o encaminhamento necessário como acolhimento na Casa de Passagem, Hospital Municipal Ruth Cardoso, dentre outras ações para retirar as vítimas dessa situação. Desde sua criação, em abril deste ano, o programa já realizou 54 atendimentos presenciais e 75 por telefone.

A divulgação desse programa segue agora nos Núcleos de Educação Infantil (NEI´s), participando das reuniões dos pais e depois seguirá nas escolas municipais, estaduais e particulares.

A equipe conta com uma supervisão geral, duas psicólogas, uma assistente social e duas integrantes de apoio.

O ABRAÇO à Mulher atende 24h pelo telefone (47) 99982-1906, ou das 8h às 18h, na Rua 2850, nº 303, na Casa da Mulher e do Voluntário.

Informações: secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social (47) 3344 2559 


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Abraço à Mulher foi pra rua para lembrar 13 anos da Lei Maria da Penha

Divulgação/PMBC

Publicidade

Quinta, 8/8/2019 14:49.

Para lembrar os 13 anos da criação da Lei Maria da Penha, sancionada em 7 de agosto de 2006, a secretaria da Inclusão Social levou seu programa mais recente de combate à violência contra mulheres, o Abraço à Mulher, para a avenida Brasil, na tarde de ontem (7).

A secretária da pasta, Christina Barichello disse que foi uma ato de conscientização e uma demonstração da luta contra a violência feminina.

“O Abraço que entrou em funcionamento há poucos meses, já fez 54 atendimentos presenciais e 75 por telefone. Funcionamos em regime de plantão 24h. É a nossa mais recente ferramenta de proteção às mulheres vítimas de violência. Nós oferecemos assistência jurídica, acompanhamento psicológico, encaminhamentos à rede de apoio e a grupos focais”, disse.

Os atendimentos são anônimos e as mulheres recebem o encaminhamento necessário como acolhimento na Casa de Passagem, Hospital Municipal Ruth Cardoso, dentre outras ações para retirar as vítimas dessa situação. Desde sua criação, em abril deste ano, o programa já realizou 54 atendimentos presenciais e 75 por telefone.

A divulgação desse programa segue agora nos Núcleos de Educação Infantil (NEI´s), participando das reuniões dos pais e depois seguirá nas escolas municipais, estaduais e particulares.

A equipe conta com uma supervisão geral, duas psicólogas, uma assistente social e duas integrantes de apoio.

O ABRAÇO à Mulher atende 24h pelo telefone (47) 99982-1906, ou das 8h às 18h, na Rua 2850, nº 303, na Casa da Mulher e do Voluntário.

Informações: secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social (47) 3344 2559 


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade