Jornal Página 3

Cruzeiro vence o Grêmio fora de casa e assume vice-liderança do Brasileiro

Quinta, 12/10/2017 7:32.

PORTO ALEGRE, RS (UOL/FOLHAPRESS) - No encontro dos 'Reis da Copa do Brasil', melhor para o mais recente campeão do torneio. O Cruzeiro venceu o Grêmio por 1 a 0 nesta quarta-feira (11), em Porto Alegre, e pulou para o segundo lugar na tabela do Brasileiro.

O jogo, válido pela 27ª rodada, não foi bom. Mas dentro do ritmo pesado, o time de Belo Horizonte foi mais competente.

Os dois times entraram em campo pensando no futuro. O Grêmio com os olhos no dia 25 de outubro, quando joga a primeira partida da semifinal da Copa Libertadores, e o Cruzeiro já projetando a próxima temporada. Esse cenário influenciou no nível do jogo.

Se a partida era um teste, o Grêmio reprovou. Com Jailson à frente da defesa e uma linha de quatro montada no meio -Fernandinho, Arthur,

Jean Pyerre e Arroyo, o time tricolor até teve controle, mas outra vez foi inócuo ofensivamente.

Sem criar boas chances, o Grêmio sobreviveu na base da individualidade para gerar poucos sustos ao Cruzeiro.

O ritmo dos mineiros também não foi bom. Dono da primeira conclusão com mais perigo, o time visitante se viu envolvido em uma atuação lenta e com cara de pré-temporada. A falta de intensidade foi quebrada por momentos pontuais de Alisson.

Já na segunda etapa, Thiago Neves executou um lance que destoou da falta de criatividade do restante da partida. Aos 23 minutos, o meia tirou da cartola um passe perfeito que deixou Rafael Sóbis na cara do gol. O atacante aproveitou a assistência e marcou o único tento do confronto.

A vice-liderança do Cruzeiro é resultado dos dois jogos a mais em relação ao Santos -que iniciou a rodada logo abaixo do Corinthians.

Ambos os times estão com 47 pontos, mas a equipe mineira leva vantagem nos critérios de desempate.

O Santos entra em campo nesta quinta-feira, às 17h (Brasília), diante da Ponte Preta em Campinas, e pode se isolar como segundo colocado.

Já o Grêmio estaciona nos 46 pontos e cai pelo menos uma posição. O Palmeiras, que recebe o Bahia na quinta-feira (5), pode ultrapassar o time tricolor e derrubar mais ainda a equipe gaúcha.

MANO

Liberado para tratar um problema de saúde em São Paulo, Mano Menezes não comandou o Cruzeiro à beira do gramado pela segunda vez seguida - já havia desfalcado o time contra a Ponte Preta.

Nesta quarta, contudo, o treinador foi ao estádio do Grêmio e assistiu a partida in loco. Na sexta-feira (13), o técnico retorna a Belo Horizonte para conversar com a diretoria sobre renovação de contrato. O vínculo vai até dezembro e a nova cúpula quer a ampliação.

GRÊMIO
Marcelo Grohe; Edilson, Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Jailson, Arthur (Beto da Silva), Fernandinho, Jean Pyerre (Patrick) e Michael Arroyo (Everton); Lucas Barrios. T.: Renato Gaúcho

CRUZEIRO
Rafael; Ezequiel, Digão, Manoel e Diogo Barbosa; Hudson, Henrique, Rafinha e Thiago Neves; Alisson (Rafael Marques) e Rafael Sóbis (Élber). T.: Sidnei Lobo (auxiliar técnico)

Estádio: Arena do Grêmio, em Porto Alegre
Juiz: Rodrigo Batista Raposo (DF)
Gol: Rafael Sóbis (CRU), aos 23 minutos do segundo tempo. 


Publicidade


Colunistas
por Fernando Baumann
por Sonia Tetto
por Saint Clair Nickelle
por Augusto Cesar Diegoli
por Marcos Vinicios Pagelkopf
por Enéas Athanázio
Educação

Documemnto define o que as escolas brasileiras devem ensinar a cada ano 


Cidade

PIB cresceu forte sob Pavan e Spernau e desacelerou entre 2010 e 2015


Cidade

Crise econômica impacta negativamente nas contas públicas  


Cidade


Guia Legal BC

Banda se apresenta no dia 5 de janeiro


Geral

Consórcio pode ser o fato mais relevante desde que as duas cidades se separaram 53 anos atrás 


Publicidade