Jornal Página 3

Painel é apagado na Praça da Cultura em nome de Jesus
Fotos Rodrigo Rocha

Terça, 17/10/2017 17:16.

Nesta terça-feira (17) surpreendeu a ação de um morador que apagou um painel na Praça da Cultura, em Balneário Camboriú. Antes de pintar tudo com tinta branca, ele ainda escreve a palavra “Jesus” sobre o mural.

Segundo a diretora da FCBC, Bia Mattar, a intenção de apagar por motivação religiosa já havia sido comunicada há cerca de dois meses pelo morador à Fundação Cultural. Ele seria o proprietário do muro e concordou em ceder o espaço para desenvolver um projeto da Lei de Incentivo à Cultura (LIC), no entanto, não gostou do desenho, que para ele seria uma representação do demônio.

Bia explicou que a imagem era uma adaptação de figuras folclóricas como o boi-de-mamão, porém ele como proprietário, tinha o direito de voltar atrás. O morador também disse que pretende reservar o muro para a publicidade.

"Acho que é um problema de comunicação. A comunicação demanda a construção de uma linguagem transformadora. Nós precisamos ver e rever obras e conceitos e identificar novos canais de mediação de maneira interativa e cidadã. Onde o morador viu um dragão demoníaco, na verdade era a representação do Boi-de-mamão, uma manifestação popular aqui representada com base cultural luso-açoriana", comentou Bia.

 

Veja o antes e depois:

Não foi o primeiro

Esse não foi o primeiro painel apagado no espaço. Há algumas semanas uma equipe da prefeitura removeu outra pintura, que também havia sido permitida, com justificativa que ela fazia referência ao suicídio.

 


Publicidade


Cidade

Posse foi determinada por decisão judicial


Tecnologia

Portal tem opção de compartilhar o aluguel    


Policia

Chefe da fiscalização da prefeitura nega que ela tenha sido omissa ou conivente


Geral

Guarnição percebeu ocorrência durante voo preventivo